ABDI e Prefeitura do Recife firmam convênio de R$2,1 milhões para desenvolver projeto pioneiro de tecnologia


A ABDI – Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial, a Prefeitura do Recife e a empresa Municipal de Informática (Emprel) assinaram (04/07) um convênio de cooperação técnica e financeira para o desenvolvimento de novas tecnologias de inovação para a gestão municipal. O valor total do convênio é de R$ 2,1 milhões, sendo a Agência responsável pelo repasse de R$ 1,1 milhão, com a contrapartida econômica da Prefeitura no valor de R$ 991 mil.  

A assinatura ocorreu em Recife, durante o Startup20, evento do G20, no qual serão discutidos assuntos de relevância para o mundo das startups, tecnologia e da inovação.  A ideia da iniciativa é aplicar inteligência artificial, transformação digital de estruturas de governo, indústria 4.0 e monitoramento de última geração nos dados da gestão municipal, reduzindo custos e integrando poder público e setor produtivo. Na prática, o convênio vai fomentar o uso da inteligência artificial para a tomada de decisões e formulação de políticas públicas por parte prefeitura do Recife.

De acordo com o presidente da ABDI, Ricardo Cappelli, os recursos serão aplicados no desenvolvimento de projetos, aquisição de softwares e outras ações necessárias para que, em um período determinado, possam ser entregues produtos.  

Ainda segundo Cappelli, o “case” de Recife será referência para expandir o modelo para outros municípios. “Estamos construindo uma parceria para estimular a criação de ecossistemas inovadores para o desenvolvimento de iniciativas, de novos negócios, tanto para a administração pública quanto para o setor privado”, afirmou. 

A iniciativa prevê a implantação da plataforma C.O.R.E.T.O (Conexões para Revolução Empreendedora e Tecnológica Online), que possibilitará o acompanhamento de negócios até a consolidação no mercado, além de permitir a conexão com os atores envolvidos e o acesso a oportunidades públicas e privadas.

“Nós [ABDI e Prefeitura do Recife] vamos atuar como uma espécie de HUB de inovação, como integradores para o desenvolvimento de negócios inovadores no Recife. E a experiência daqui vai servir também de referência para outros municípios, para que possamos multiplicar essa experiência pelo Brasil”, acrescentou Cappelli.  

O prefeito de Recife, João Campos (no centro da foto), destacou a importância da parceria com a ABDI e deu um “spoiler” de como a plataforma irá funcionar. “A gente vai criar uma vitrine de problemas e pessoas e startups se credenciarão para resolver esses problemas. Uma parceria quando bem-feita, consegue resolver coisas aparentemente simples, mas que por serem transversais não conseguem ser resolvidas. Esse experimento, quando colocado de pé, estará pronto para ser levado para outras cidades”, afirmou.

Durante o evento, o prefeito João Campos ainda anunciou uma nova linha de crédito do CredPop e o início da circulação do Espaço Conecta Móvel  – que conta com todos os serviços do Conecta Recife e vai circular em diversas áreas da cidade com estrutura figital, ou seja, físico e digital, para que todas as pessoas tenham acesso aos seus direitos e serviços que são ofertados.

Últimas Notícias

Utilização da capacidade instalada despenca para 58%, o menor nível mensal da história da química nacional

De acordo com os dados da amostra do Relatório de Acompanhamento Conjuntural (RAC), o índice de utilização da capacidade instalada da indústria química brasileira...

FPSO Bacalhau – Primeiro FPSO Novo do Mundo com Notação DNV Abate

A Modec comunica que o FPSO Bacalhau recebeu a Aprovação em Princípio (AiP) para Notação de Redução da sociedade de classificação DNV, tornando-se o...

ADNOC implanta a primeira solução de IA RoboWell da AIQ em operações offshore

A ADNOC anunciou a implantação do RoboWell, a solução pioneira de controle de poços autônomos de inteligência artificial (IA) da AIQ, em suas operações...