Anglo American no Brasil conquista Padrão IRMA 75 de mineração responsável


Os empreendimentos Minas-Rio, de minério de ferro, e Barro Alto, de níquel, da Anglo American no Brasil receberam o reconhecimento do padrão IRMA, sigla em inglês referente à “Iniciativa para a Garantia de Mineração Responsável”. Ambas as operações alcançaram o nível de desempenho IRMA 75, inédito em todo o mundo para negócios de minério de ferro e níquel. Para obter esse reconhecimento, as duas minas foram avaliadas por auditores independentes que observaram cerca de 400 requisitos, divididos em quatro princípios: integridade nos negócios, legado positivo, responsabilidade social e responsabilidade ambiental.

De acordo com Ana Sanches, CEO da Anglo American no Brasil, o padrão IRMA 75 evidencia o compromisso da empresa no cumprimento do seu Plano de Mineração Sustentável, estratégia que norteia as ações da companhia por meio dos pilares: ambiental, social e governança.

“Entendemos que a mineração só faz sentido se for pensada para o bem de todas as partes interessadas. Isso inclui operações cada vez mais seguras e responsáveis, iniciativas em prol do meio ambiente, inovações ligadas à transição energética e à descarbonização, diálogo constante com as comunidades anfitriãs, entre outras importantes ações que vão ao encontro dos nossos valores e do propósito de reimaginar a mineração para melhorar a vida das pessoas”, ressalta. 

O diretor de Assuntos Corporativos e Sustentabilidade da Anglo American no Brasil, Ivan Simões, enfatiza que:

“A auditoria da IRMA nos deu a oportunidade de medirmos, de forma independente, nosso desempenho em relação às melhores práticas internacionais de sustentabilidade e responsabilidade, refletindo nosso compromisso com a transparência e com a busca pelos mais altos padrões. Estamos imensamente orgulhosos do trabalho desempenhado pelas equipes do Minas-Rio e de Barro Alto e esperamos continuar transformando o setor mineral, em alinhamento às demandas da sociedade”, explica. 

O padrão definido para a Mineração Responsável da IRMA foi desenvolvido ao longo de uma década, por meio de consultas públicas que incluíram empresas de mineração, clientes e usuários finais de produtos minerários, ONGs, sindicatos e comunidades, e é considerado um dos processos de certificação mais rigorosos do mundo. As minas auditadas podem ser avaliadas em quatro níveis: IRMA Transparency, IRMA 50, IRMA 75 e IRMA 100.

Últimas Notícias

Utilização da capacidade instalada despenca para 58%, o menor nível mensal da história da química nacional

De acordo com os dados da amostra do Relatório de Acompanhamento Conjuntural (RAC), o índice de utilização da capacidade instalada da indústria química brasileira...

FPSO Bacalhau – Primeiro FPSO Novo do Mundo com Notação DNV Abate

A Modec comunica que o FPSO Bacalhau recebeu a Aprovação em Princípio (AiP) para Notação de Redução da sociedade de classificação DNV, tornando-se o...

ADNOC implanta a primeira solução de IA RoboWell da AIQ em operações offshore

A ADNOC anunciou a implantação do RoboWell, a solução pioneira de controle de poços autônomos de inteligência artificial (IA) da AIQ, em suas operações...