Equinor iniciou terceira parte do programa de recompra de ações de 2023


A Equinor iniciou em 27 de julho de 2023 a terceira parcela do programa de recompra de ações deste ano, de cerca de US$ 1,67 bilhão, conforme anunciado em relação aos resultados do segundo trimestre em 26 de julho de 2023. Essa parcela inclui ações a serem resgatadas do Estado norueguês e termina o mais tardar em 26 de outubro de 2023.

O objetivo do programa de recompra de ações é reduzir o capital social emitido da empresa. Todas as ações recompradas como parte do programa serão canceladas.

De acordo com um acordo entre a Equinor e o Estado norueguês, uma parte proporcional das ações do Estado norueguês da terceira tranche será resgatada e anulada na assembleia geral anual em 2024, garantindo que a participação acionária do Estado na Equinor permaneça inalterada em 67%.

O programa de recompra de ações para 2023 será estruturado em parcelas nas quais a Equinor recomprará ações por um determinado valor em USD durante um período definido. Para a terceira parcela de 2023, a Equinor está firmando um contrato não discricionário com um terceiro que executará recompras de ações e tomará suas decisões comerciais independentemente da empresa.

Nesta terceira etapa, serão adquiridas no mercado ações até cerca de USD 550 milhões, o que implica um total da terceira tranche de cerca de USD 1,67 mil milhões, incluindo ações a resgatar junto do Estado norueguês. O número máximo de ações a adquirir no mercado é de 94.000.000 , o preço mínimo que pode ser pago por ação é de NOK 50 e o preço máximo é de NOK 1.000. A autorização é válida até 30 de junho de 2024 e até a assembleia geral anual de 2024.

Um acordo entre a Equinor e o Estado norueguês regula a participação do Estado na recompra de ações: Na assembleia geral anual de 2024, o Estado votará pelo cancelamento de ações adquiridas no mercado de acordo com a autorização e pelo resgate e cancelamento de um número proporcional de suas ações a fim de manter sua participação acionária na empresa. O preço a ser pago ao Estado pelo resgate de ações será a média ponderada pelo volume do preço pago pela Equinor pelas ações adquiridas no mercado mais uma remuneração de taxa de juros, ajustada por quaisquer dividendos pagos.

Nesta terceira recompra em 2023, as ações serão compradas na Bolsa de Valores de Oslo e possivelmente em outros locais de negociação dentro do EEE. As transações serão conduzidas de acordo com as condições de porto seguro aplicáveis ​​e conforme estabelecido na Lei Norueguesa de Negociação de Valores Mobiliários de 2007, Regulamento da Comissão da UE (EC) No 2016/1052 e as Diretrizes da Bolsa de Valores de Oslo para programas de recompra e preço estabilização a partir de fevereiro de 2021.

Últimas Notícias

Fortalecendo a prevenção e o enfrentamento à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes

A Vibra, maior distribuidora de combustíveis e lubrificantes do Brasil, está comprometida com a causa social de "Enfrentamento à Exploração Sexual de Crianças e...
advertisementspot_img

Busch do Brasil expande seu portfólio com produtos da Pfeiffer Vacuum

A Busch do Brasil Ltda., uma subsidiária integral da Busch SE, anunciou expansão de seu portfólio: está assumindo a distribuição e o serviço dos produtos...

Identificação padronizada para segurança do alimento

Uma nova forma de identificar produtos no varejo, que transforma a rotina dos consumidores e os processos de automação das empresas da cadeia de...