Melbourne dá solução para acesso de todos à energia renovável


A cidade de Melbourne instalou uma primeira bateria comunitária como parte de seu programa de energia renovável Power Melbourne para moradores e empresas, com o Boyd Community Hub. A prefeita Sally Capp e a ministra de Energia e Recursos Lily D’Ambrosio compareceram à cerimônia onde a primeira bateria comunitária foi oficialmente ligada.

A solução de armazenamento de energia Power Melbourne do conselho busca acelerar a transição da cidade para 100% de energia renovável até 2030, enquanto trabalha para atingir emissões líquidas zero até 2040.

A iniciativa também vai melhorar o acesso à energia renovável tanto para empresas quanto para pessoas físicas, com as baterias que estão sendo instaladas. A Prefeita disse que o programa foi direcionado para dar aos moradores e empresas acesso aos benefícios da energia renovável, não importando onde estejam.

A prefeita disse ainda que o programa Power Melbourne tem como objetivo fornecer contas de energia mais baixas e energia mais verde para empresas e moradores da cidade de Melbourne, capturando energia solar, armazenando-a e devolvendo-a à comunidade.

83% dos moradores da cidade de Melbourne vivem em apartamentos, sem meios para instalar seus próprios painéis solares então, o programa permite que indivíduos acessem energia limpa, renovável e mais barata.

O Power Melbourne é apoiado pela iniciativa Neighbourhood Batteries do governo de Victoria e pelo programa Community Batteries for Household Solar do governo australiano.

A Ministra de Energia e Recursos, Lily D’Ambrosio, disse que o país está capacitando as comunidades locais para aproveitar ao máximo sua energia renovável localmente – fortalecendo sua confiabilidade energética e reduzindo os preços da eletricidade.

As baterias serão inicialmente vinculadas a um Community Benefit Fund para dar suporte a projetos renováveis ​​locais. A fase piloto do projeto deve durar 18 meses e testará o modelo de armazenamento de energia local da Power Melbourne em parceria com a Origin Energy – reunindo insights para informar a expansão da rede de baterias e futuras ofertas de varejo. 

O gerente geral executivo da Origin Zero, James Magill, disse que o armazenamento em bateria desempenha um papel importante na transição energética da Austrália. “O Power Melbourne é inovador e estamos ansiosos para ver o impacto que essas três baterias podem ter como parte deste teste”, disse o Sr. Magill.

Com uma capacidade combinada de 1,1 MWh, as baterias serão carregadas durante o dia, sendo a energia armazenada liberada para a rede quando for mais necessária, suportando a transição para energia renovável.

E cada bateria ganha vida com obras de arte personalizadas, projetadas por criativos locais de Melbourne. A primeira traz o Let’s get energised do artista contemporâneo Mysterious Al – uma reflexão sobre as formas urbanas e naturais da cidade. As baterias trarão ainda obras de Michael Fikaris e Amina Briggs.

Últimas Notícias

Utilização da capacidade instalada despenca para 58%, o menor nível mensal da história da química nacional

De acordo com os dados da amostra do Relatório de Acompanhamento Conjuntural (RAC), o índice de utilização da capacidade instalada da indústria química brasileira...

FPSO Bacalhau – Primeiro FPSO Novo do Mundo com Notação DNV Abate

A Modec comunica que o FPSO Bacalhau recebeu a Aprovação em Princípio (AiP) para Notação de Redução da sociedade de classificação DNV, tornando-se o...

ADNOC implanta a primeira solução de IA RoboWell da AIQ em operações offshore

A ADNOC anunciou a implantação do RoboWell, a solução pioneira de controle de poços autônomos de inteligência artificial (IA) da AIQ, em suas operações...