Mercedes-Benz entrega os primeiros ônibus elétricos para a cidade de São Paulo


A Mercedes-Benz do Brasil entregou as primeiras 50 unidades do eO500U, chassi de ônibus urbano elétrico a baterias da própria marca, com carroçaria Caio Millennium, para as empresas Metrópole Paulista (40 unidades), MobiBrasil (8) e Sambaíba (2), operadoras do sistema de transporte coletivo da cidade de São Paulo. Os veículos devem entrar em operação no início do próximo ano.

“A entrega desse expressivo volume de ônibus elétricos, representa o novo marco de progresso na entrada da nossa Empresa na era da eletromobilidade no País”, diz Achim Puchert, presidente da Mercedes-Benz do Brasil & CEO América Latina. “É muito significativo o fato de começarmos essa jornada por São Paulo, a maior cidade do País e da América Latina, que utiliza fortemente os ônibus em seu sistema de transporte coletivo. Assim como a Prefeitura Municipal e nossos clientes, nós também temos o compromisso de buscar soluções de descarbonização no transporte, contribuindo para a melhor qualidade do ar e a preservação ambiental”.

Esse ônibus elétrico da família O 500 está sendo produzido na planta da Mercedes-Benz do Brasil em São Bernardo do Campo, na Região Metropolitana de São Paulo, que utiliza modernos conceitos da Indústria 4.0. Dessa forma, a empresa reforça seu compromisso e o da Daimler Truck com a descarbonização no transporte urbano de passageiros.

“É muito bom saber que nosso time brasileiro faz parte do plano da Daimler Buses de oferecer veículos neutros em CO2 movidos a baterias e hidrogênio em todos os segmentos até 2030. Estamos fazendo tudo com tecnologia de ponta e muito motivados pela paixão em atender a todas as necessidades do transporte de pessoas, contribuindo para a qualidade de vida nas grandes cidades, no Brasil e em outros países”, conclui Achim Puchert.

“Nosso chassi de ônibus elétrico traz a qualidade e a confiabilidade da estrela de três pontas”, afirma Walter Barbosa, diretor de Vendas e Marketing Ônibus da Mercedes-Benz do Brasil. “Nossa decisão estratégica de apresentar uma solução em eletromobilidade primeiramente em ônibus urbano foi pensando no coletivo e no cenário das cidades. Nós temos experiência de 67 anos no Brasil, sempre oferecendo novas tecnologias para o transporte”.

O chassi eO500U foi desenvolvido pela Mercedes-Benz do Brasil para a realidade brasileira e latino-americana. Ele foi amplamente testado no Campo de Provas de Iracemápolis (SP) e também na Alemanha, onde contou com a expertise da Daimler Buses em ônibus elétricos.

“O nosso chassi de ônibus urbano elétrico já está credenciado junto ao BNDES para financiamento via Finame – Baixo Carbono”, informa Walter Barbosa. “O BNDES é um aliado forte das empresas de transporte para financiamento de ônibus e renovação de frota, o que é ainda mais relevante no caso dos elétricos. Esse apoio é imprescindível para que o Brasil avance no campo da eletromobilidade e da descarbonização, o que trará benefícios ao meio ambiente, à qualidade do ar nas cidades e à sociedade como um todo”.

A Mercedes-Benz dará suporte a todos que fazem parte do ecossistema da eletromobilidade, especialmente nesse momento inicial de transição do motor diesel para a tração elétrica: a empresa conta com uma equipe de eMobility que centraliza todas as ações ligadas ao novo produto e novo segmento de mercado.

A gama de serviços oferecidos inclui uma consultoria especializada às empresas de ônibus e aos gestores do transporte coletivo urbano no que se refere ao funcionamento do veículo, infraestrutura de abastecimento de energia e de recarga das baterias e gestão de frota com ônibus elétricos. Além disso, os concessionários da marca estão sendo treinados e têm estrutura preparada para o atendimento especializado a clientes de ônibus elétricos.

No contexto de serviços inovadores, a marca está dando novos passos na consolidação do FleetBus, solução exclusiva de telemetria e conectividade da Mercedes-Benz no Brasil para gestão de frota das empresas de ônibus.

“A primeira empresa a contar com o FleetBus em sua rotina operacional introduziu essa solução no último mês de agosto”, afirma Roberto Leoncini, vice-presidente de Vendas e Marketing Caminhões e Ônibus da Mercedes-Benz do Brasil. “No início de outubro, entregaremos o usuário e a senha da segunda empresa. A ideia é conectar outras quatro empresas até o final de outubro, totalizando seis clientes e algo em torno de 50 ônibus com os serviços do FleetBus”.

Esse serviço 4.0 permite ampla diversidade de análises de desempenho dos ônibus e de manutenções preventivas e preditivas, diminuindo o risco de paradas não programadas. Além de proporcionar maior disponibilidade da frota, o uso do FleetBus assegura economia no consumo energético, seja o diesel ou a eletricidade, bem como redução de custos operacionais e do TCO. Disponível para todo o portfólio de ônibus urbanos e rodoviários, essa ferramenta chegou ao mercado com um grande diferencial: monitoramento e disponibilização de informações em tempo real.

Últimas Notícias

Fortalecendo a prevenção e o enfrentamento à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes

A Vibra, maior distribuidora de combustíveis e lubrificantes do Brasil, está comprometida com a causa social de "Enfrentamento à Exploração Sexual de Crianças e...
advertisementspot_img

Busch do Brasil expande seu portfólio com produtos da Pfeiffer Vacuum

A Busch do Brasil Ltda., uma subsidiária integral da Busch SE, anunciou expansão de seu portfólio: está assumindo a distribuição e o serviço dos produtos...

Identificação padronizada para segurança do alimento

Uma nova forma de identificar produtos no varejo, que transforma a rotina dos consumidores e os processos de automação das empresas da cadeia de...