Retrospectiva ESG 2024


A segunda edição do evento, patrocinado pela Equinor, Exxon Mobil, Ipiranga, RepsolSinopec, Shell, Karoon Energy, Naturgy, Ocean Pact, Ocyan, SLB, One Subsea, Shape, Subsea 7, Petrobras , Transpetro e organizado pelo IBP- Instituto Brasileiro de Petróleo e Gás, contou com 900 participantes (61% público feminino) de 14 estados brasileiros, totalizando 30 horas de conteúdo e muito engajamento dos participantes.

(Lilian Rossetto , Gerente de Comunicação, e Gabriela Schrank (sentadas) e Juliana Assis, Gerente de Sustentabilidade, da Transpetro)

Muito importante destacar a ação que a TRANSPETRO ofereceu durante o ESG:  um espaço especial à mães lactantes, a Sala para Apoio à Amamentação, que está garantido em todos os eventos que a companhia patrocinar! Mães lactantes, não tenham constrangimento na visita aos próximos eventos patrocinados pela empresa!

A Revista Petro & Química esteve presente lançando sua edição 395, que você pode ler gratuitamente clicando aqui.

PRIMEIRO DIA 27 DE MAIO

Na abertura do evento, Roberto Ardenghy , presidente do IBP, destacou que transição energética justa e descarbonização devem ser equilibradas, para não favorecer um cenário de pobreza energética, e que as empresas do setor já estão engajadas para defesa dos temas.

(Bruno Queiroz, Valeria Lima, Roberto Ardenghy , Andréa Vulcanis,  Karem Cubas e Floriano Pesaro ,de pé.)

Floriano Pesaro (em destaque na foto acima) , diretor Gestão Corp. APEX Brasil, frisou que a promoção comercial e atração de investimentos já consideram a diversidade das fontes de energia limpa e estimulam a descarbonização. Andréa Vulcanis, Secretária Meio Amb. E Desenv Sust. De Goiás, defendeu a regulamentação ambiental e licenças mais rápidas, trabalho que realizou em seu Estado. O subsecretário-adjunto de Relações Internacionais do Estado do Rio de Janeiro, Bruno de Queiroz Costa, frisou que a cúpula do G-20 e as reuniões preparatórias representam uma ótima oportunidade para a agenda ESG.

Participaram ainda da abertura José Ramalho (à direita), do Observatório Nacional Mobilidade Segura, que recebeu homenagem das mãos de Roberto Ardenghy (IBP) e Valeria Lima, que após anos de dedicação está deixando o Instituto IBP.

PAINÉIS/SALAS DO PRIMEIRO DIA 27 DE MAIO DE 2024

Painel Manhã Sala 1: AS DIMENSÕES DE DIVERSIDADE, EQUIDADE E INCLUSÃO DA PAUTA DOS DIREITOS HUMANOS EM ESG

Isadora de Oliveira Silva, Coordenadora do Gabinete da Secretaria-Executiva do Ministério da Igualdade Racial; Karla Grativol, Diretora de Desenvolvimento Organizacional, Gestão & Processos e Sustentabilidade da Ipiranga, Lilian Louzada Soncin, Gerente Executiva de Recursos Humanos da Petrobras e Pamela Belém (no telão), Social Impact Activation SIA Lead / D&I Lead da Petronas.

Este painel discutiu o respeito, adversidade, equidade e inclusão, essenciais para o compromisso do setor de óleo e gás junto aos princípios orientadores da ONU sobre direitos humanos para empresas.

Painel Tarde 1 Sala 1: DESENVOLVIMENTO LOCAL E A EXPLORAÇÃO E PRODUÇÃO NA MARGEM EQUATORIAL

Aqui foram discutidos os benefícios de investimentos em novas fronteiras exploratórias no Brasil para a sociedade local, contribuindo para a geração de receitas e empregos na região.

Marcelo Thomé da Silva de Almeida , Diretor do  Instituto Amazônia+21; João Correa, CEO da TGS do Brasil; Daniele Lomba , Gerente Geral de Licenciamento e Meio Ambiente da Petrobras; Flavio Andrade , CEO da OceanPact e Allan Kardec Duailibe Barros, da  Universidade Federal do Maranhão .

Painel Tarde 2 Sala 1: O MODELO REGULATÓRIO E O DESENVOLVIMENTO DE NEGÓCIOS DE CCS NO BRASIL

Este debate discutiu a adoção de melhores práticas regulatórias, que promovam a segurança e incentivem a atração de investimento para as atividades de CCS no Brasil.

Augusto Carvalho , Diretor de Desenvolvimento de Negócios – CCS da SLB; Isabela Morbach, Fundadora e Diretora da CCS Brasil; Claudio Ziglio, Gerente de CCUS da Petrobras e Raphael Moura, Superintendente de Tecnologia e Meio Ambiente da ANP.

Painel Manhã Sala 2 : CONSTRUINDO A EXPERIÊNCIA DAS RELAÇÕES INSTITUCIONAIS DO BRASIL NO ADVOCACY REGULATÓRIO

Neste painel foi discutida a importância do papel do profissional de relações governamentais para a estabilidade regulatória, de relevantes atividades econômicas no Brasil e atração de investimentos.

Alexandre Borba, Analista e Consultor da Arko Advice; Alex Garcia de Almeida, Gerente de Relações Institucionais e Regulatório da BW Energy; Daniel Antunes, Gerente Executivo de Relações Governamentais de E&P do IBP; Savana Fraulob, Gerente de Inteligência e Articulação da Petrobras e João Henrique Hummel Vieira,  Diretor Executivo da Action Relações Governamentais.

Painel Tarde 1 Sala 2: DIVERSIDADE E TECNOLOGIA

(Raquel Mattos Cavalcanti , Gerente de Portifólio de Inovação da Repsol Sinopec Brasil;  Pilar Santos Neves , Advisor ESG para a América do Sul  da  Innovation Norway South America; Ana Zambelli,  Conselheira da  Seadrill, BW Energy e Galp; Cristiane Rodrigues,  Head de ER, CSI & Brand Brasil da  Galp e Keurrie Cipriano,  Vice-Diretora de Sustentabilidade da SPE BRASIL, e Gerente Executiva de Dutos e Terminais da Transpetro.

Neste Painel foi discutida a importância do empoderamento feminino na inovação e desenvolvimento tecnológico da indústria com baixa emissão de carbono, bem como os temas Pluralidade, Inclusão, Sororidade e Mentoria Feminina trabalhando as potencialidades das mulheres e criação de ambientes melhores para a volta da maternidade, onde Keurrie Cipriano destacou seu projeto, onde todos os terminais Transpetro já possuem Sala de Amamentação/Lactação para suas funcionárias mães.

Painel Tarde 2 Sala 2: ESG NA CADEIA DE FORNECEDORES

O foco deste painel foi a importância da gestão da agenda ESG e o seu impacto na cadeia de fornecedores da indústria e energia.

Laureano Gardi, Gerente Global de Sustentabilidade em Supply Chain da OneSubsea; Daniela Lacombe, CEO da Agência de Soluções Ambientais e Sociais; Rebeca Kiperman , Gerente de Sustentabilidade da Enauta; Isabela Salgado , Gerente de Sustentabilidade da Ipiranga e Marcelo Mafra , Vice-Presidente de Sustentabilidade da Ocyan.

Painel Manhã  Sala 3: FUTURO DA PRODUÇÃO E REFINO DE PETRÓLEO NO BRASIL E O CONCEITO DE EQUIDADE DA TRANSIÇÃO ENERGÉRTICA JUSTA

(Em destaque Alexandre Szklo)

O professor da COPPE/URFJ,  Alexandre Szklo, falou sobre os caminhos para a redução das emissões e da descabonização, defendendo a produção de bioenergia em áreas degradadas.

Yuri Orse, Diretor de Renováveis da ACELEN, destacou o papel dos biocombustíveis na descarbonização, destacando SAF, diesel verde e recuperação de terras degradadas e frisou que o Brasil é líder em descarbonização no segmento de petróleo e gás.

Fernanda Britto, da consultoria ERM, defendeu ciclo combinado e que as pessoas devem estar no centro das decisões sobre transição energética justa.

A líder de Sustentabilidade da Equinor, Ana Cupelo, defendeu em Plano de Transição Energética, rumo ao NET ZERO até 2050.

Raquel Coutinho, Ger. Descarbonização da Petrobras, comentou que as mudanças deverão trazer acesso de energia à toda sociedade.

Painel Tarde 1 Sala 3: RISCOS E OPORTUNIDADES FRENTE AOS INVESTIMENTOS EM ESG

Este painel debateu a importância dos indicadores ESG e das boas práticas em desenvolvimento sustentável, para análise de risco e tomada de decisão de investimentos.

Adriana Frenkiel,  Head de HSSE da Petronas; Felipe Leal, Partner da  Dahlia Capital;

Ana Luísa Perina, Gerente Executiva de Relações com Investidores e ESG da Cosan;

Michelle da Rocha Faria Correa , Coordenadora de Inovação e Finanças Sustentáveis da CVM;

Gabriela Schrank,  Gerente Geral de Meio Ambiente e Sustentabilidade da Transpetro e

Letícia Gomes Maia , Analista da Gerência de Sust. e Rel. com Investidores Internac. de Portfolio do Banco Central.

Painel Tarde 2 Sala 3: O PAPEL DA COMUNICAÇÃO NA CONSTRUÇÃO E GESTÃO DA REPUTAÇÃO NA AGENDA ESG DA INDÚSTRIA DE ENERGIA

Neste painel foi discutido o papel do profissional de comunicação no gerenciamento da agenda ESG da indústria de energia.

Sônia Araripe , Diretora e Editora da Plurale; Diego Pila, Gerente Executivo de Comunicação da Petrobras; Ana Julião, Gerente Geral da Edelman e Talita Alves, Coordenadora de Comunicação e Relações Externas da Repsol Sinopec.

SEGUNDO DIA – 28 DE MAIO

Para iniciar o segundo dia do evento, Clarice Coppetti , Diretora Executiva de Assuntos Corporativos da Petrobras e Roberto Ardenghy , Presidente do IBP  conversaram sobre o desenvolvimento das ações ESG na Petrobras, que está implantando políticas de diversidade e igualdade  e tem meta de aumentar a participação de mulheres e pessoas . “É importante destacar que é uma jornada. Nessa agenda, não podemos pegar atalhos, todos que trabalham com ESG nas empresas sabem disso”, enfatizou a diretora da Petrobras. Além disso a companhia está ressaltando o cuidado com as pessoas, criando uma gerência de Direitos Humanos e uma estrutura especial para acolhimento de vítimas de assédio.

Painel Manhã 1 Sala 1: A DESCARBONIZAÇÃO NO SETOR DE TRANSPORTES: OS CAMINHOS PARA AMPLIAR A OFERTA DE RENOVÁVEIS

Neste painel foi discutido o complexo movimento de transição para uma economia de baixo carbono, o quanto demandará de esforço conjunto do setor público, produtivo e da sociedade. A oferta de matérias-primas, energia e produtos renováveis necessários a transição dependerá de políticas públicas e regulamentação adequadas, desenvolvimento tecnológico e investimentos serão vultuosos. Foram ressaltadas também as oportunidades e os desafios para a diversificar a produção e contribuir para o atendimento da crescente demanda do setor de transportes no Brasil, promovendo a redução efetiva das emissões de GEE.Rodrigo Herve Quaranta, Coordenador de Assuntos Regulatórios em Biocombustíveis da Petrobras; Rafael Luchini Alves Costa, Gerente Executivo de Relações Institucionais e Governamentais do Grupo Ultra; Valéria Lima, Diretora Executiva de Downstream – IBP; Luciano Correa Libório, Gerente de Relações Externas / Mercado de Combustíveis e Energia da Raízen e Renato Cabral Dutra, Secretário Nacional Substituto de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis do MME.

Painel Manhã 2 Sala 1: O PAPEL DO ÓRGÃO REGULADOR EM PROL DA SUSTENTABILIDADE, COMPETITIVIDADE E ATRAÇÃO DE INVESTIMENTOS NO BRASIL

Neste painel foi discutida a compatibilidade da segurança regulatória com a atração de investimentos e desenvolvimento sustentável tem sido uma prática da ANP reconhecida pelo mercado ao longo da sua trajetória; como empresas do segmento de upstream e downstream tem contribuído para o alcance deste objetivo.

Claudia Rabello, Diretora Executiva Corporativa do IBP; Tabita Loureiro, Diretora Técnica e presidente interina da PPSA; Daniela Russio, Gerente de Assuntos Regulatórios – Upstream da  Shell; Meg Montana, Gerente de Relações Externas da Karoon Energy e Daniel Maia Vieira, Diretor da ANP.

Painel Tarde 1 Sala 1: REVITALIZAÇÃO DE CAMPOS MADUROS – COMPROMISSO DOS PRODUTORES COM A PRODUÇÃO DE PETRÓLEO E A ECONOMIA DO BRASIL

Painel que discutiu a importância das atividades de campos maduros para a geração de receitas e desenvolvimento socioeconômico de regiões para o Brasil.

Ricardo Mucci, Country Manager da BW Energy; Felipe Wigg de Araújo, Chief Human Resources Officer da PetroReconcavo; Telmo Ghiorzi, Presidente Executivo da ABESPETRO; Alexandra Garchet, Diretora Jurídica e de ESG da Origem Energia e Denis Krambeck Dinelli, Gerente Geral de Concepção de Projetos de Águas Profundas da Petrobras.

Painel Manhã 1 Sala 2: O PAPEL DO INVESTIMENTO SOCIAL PRIVADO DENTRO DA AGENDA ESG

Painel que discutiu o impacto positivo do investimento social privado junto aos públicos de interesse e na mitigação de riscos para o negócio.

Paulo Ganime ,  Consultor e Conselheiro Independente; Patricia Loyola, Diretora de Gestão e Investimento Social da  Comunitas; José Maria Ferreira Rangel, Gerente Executivo de Responsabilidade Social da Petrobras e Luis Fernando Guggenberger , Diretor Presidente do Instituto Ultra.

Painel Manhã 2 Sala 2: COMO PERCEBO A BARREIRA DOS VIESES INCONSCIENTES NA CONSTRUÇÃO DA DIVERSIDADE

Este painel teve por objetivo promover um debate sobre a barreira dos vieses inconscientes, do ponto de vista dos profissionais do setor de óleo e gás, que participam dos Fóruns do IBP sobre PCd, Etnia & Raça e Gênero e que são partes interessadas diretas na busca pela diversidade. Quais barreiras do nosso inconsciente diário, cultural, profissional e empresarial, precisam ser revistos ou melhorados, para que a diversidade seja reconhecida e empoderada dentro do planejamento de carreira e não se tornem um impeditivo invisível ao crescimento profissional.

Maria Cecília, Gerente de Desenvolvimento Organizacional da IPIRANGA; Amanda Vilanova, Analista fiscal e membro do Comitê de Diversidade e Inclusão da Repsol Sinopec Brasil; Daniela Macedo, Analista de Logística da Baker Hughes; Fernanda Neves, Gerente de Competência e Capacidade de Operações da Equinor; Kloê Siqueira, Contracts and Procurement Lead Technology da Shell B.

Painel Tarde 1 Sala 2: GÁS NATURAL PARA UMA TRANSIÇÃO ENERGÉTICA JUSTA E SEGURA

Aqui neste painel foi discutido o papel do gás natural no contexto da transição energética brasileira, onde precisamos ao mesmo tempo viabilizar uma economia de baixo carbono, promover o crescimento econômico e combater a pobreza energética. Como combustível fóssil que emite menores quantidades de GEEs, o gás oferece uma solução de descarbonização na substituição de outros combustíveis fosseis. O gás natural também é fundamental para dar lastro e segurança ao suprimento energético das renováveis intermitentes. Adicionalmente, a complementariedade e intercambialidade entre o gás natural e o biometano torna o setor ainda mais atrativo para projetos de descarbonização.

Gustavo Labanca, CEO da TAG; Christiane Delart, Diretora de Distribuição de Gás da Naturgy; Sylvie D’Apote, Diretora Executiva de Gás Natural do IBP; Camila Schoti ,  Diretora da (re)energisa e Flávia Barros, Diretora Comercial da Origem Energia.

Painel Manhã Sala 3: INTEGRANDO ESG NO SETOR DE SEGUROS: DESAFIOS E OPORTUNIDADES PARA A SUSTENTABILIDADE, RESILIÊNCIA E RESPONSABILIDADE CIVIL DOS ADMINISTRADORES

Neste painel foi abordado como o setor de seguros pode integrar práticas de ESG em suas operações, com um foco especial no Seguro de Responsabilidade Civil dos Administradores (D&O) e as implicações de políticas ESG sobre as responsabilidades dos administradores e como os seguros D&O podem evoluir para cobrir riscos relacionados a governança corporativa, responsabilidade ambiental e social.

Participaram representantes do IBP, Ipiranga, Ministério do Planejamento e Orçamento, Grant Thornton, Galcorr Seguros.

Painel Tarde Sala 3: TRANSIÇÃO ENERGÉTICA E DESCARBONIZAÇÃO

Aqui foram discutidas as perspectivas técnicas, econômicas e regulatórias para atração de investimentos e o desenvolvimento de grandes projetos de energias renováveis no Brasil.

Fernanda Scoponi , Gerente Sênior de Desenvolvimento de Novos Negócios da  TotalEnergies; Mauro Andrade, Diretor de Business Development da Prumo Logística; Raquel Filgueiras, Gerente de Projetos da Innovation Norway; Marcelo Lopes , Diretor de Hidráulica & Eólica Offshore da Neoenergia e Antonio Marcos de Medeiros – Coordenador de P&D – Instituto SENAI de Inovação em Energias Renováveis.

(alguns painéis não tiveram cobertura de nossa publicação. Confira mais em: ibp.org.br/noticias  e ibpesgenergiaenegocios.com.br/programacao)

Últimas Notícias

Rockwell Automation em parceria com NVIDIA impulsiona o desenvolvimento de robôs móveis industriais com IA

A Rockwell Automation anuncia novas colaborações com a NVIDIA para impulsionar o desenvolvimento de robôs móveis industriais, mais seguros e inteligentes, com Inteligência Artificial...

Primeira fábrica de inversores de energia solar do Brasil

A Livoltek, empresa do Hexing Group, inaugurou a primeira fábrica de inversores de energia solar da América Latina na Zona Franca de Manaus (ZFM)....

GT PA-DIN apresenta extensões ao padrão com lançamento da versão 1.1

Os coproprietários do Process Automation Device Information Model (PA-DIM), incluindo FDT Group, FieldComm Group, ISA 100 WCI, NAMUR, ODVA, OPC Foundation, PROFIBUS e PROFINET...